AS Notícias Online
HOME ESPORTE GERAL POLÍCIA POLÍTICA EMPREGOS MULHERES AGENDA COLUNISTAS FOTOS VÍDEOS CONTATO
Bom dia - Itabira, sábado, 20 de abril de 2019 Hora: 07:04

COLUNISTAS
Marcos Gabiroba e a crônica da semana “A hora é de avaliação na corrida pela vida”
31/12/2018

Ao fim de um ano, este é sempre um momento que nos traz a oportunidade de se fazer uma avaliação, e um balanço em nossa vida e, por consequência, traçar metas e objetivos novos para o novo ano.

Ao olharmos o ano velho que se finda, querendo ou não, olhamos também para trás procurando entender as experiências que tivemos, os caminhos que o Senhor nos permitiu andar e as lições que pudemos aprender com cada situação que se nos apresentasse. Olhando pelo lado material observamos que, quando uma empresa faz o balanço no final do ano, o resultado pode ser positivo ou negativo; pode resultar em lucro ou prejuízo. Já pensou nisso? Assim também é a nossa vida. A experiência que tivemos neste ano que nos dá o adeus pode nos ter levado para mais perto de Deus, nos ajudado a crescer ou amadurecer, a abençoar nossa família, os amigos e colegas, mas também pode ter-nos dado prejuízo, não é mesmo? Talvez, em algumas experiências que tivemos crescemos espiritualmente e tornamo-nos uma bênção para àqueles que se achegaram a nós. Outras vezes, talvez, não soubemos lidar e perdemos a oportunidade de crescer e amadurecer e não fomos um instrumento de Deus para abençoar àqueles que mais necessitavam de nosso auxílio espiritual ou material, não é mesmo? Pois é amigos e amigas este é o momento, sim o momento maior de nossa avaliação neste fim de ano. 2018 foi um ano bom, muito bom neste aspecto de pensamento? Reflitamos, pois a hora é agora. Depois que a caravana passar não adianta os cães ladrarem, não é mesmo?

No entanto, o mais importante neste momento – fim de ano e início de um novo ano – aprender, eu disse aprender, até mesmo com os nossos erros. Um erro pode ser uma experiência positiva se tivermos consciência absoluta e positiva de se aprender como não se deve fazer algo que nos desliga de Deus. Infelizmente, nem sempre temos a habilidade, sequer humildade de aprender com os nossos erros, não é mesmo? É muito mais comum e, dessa etapa quase ninguém foge é justificar-nos ou encontrar um culpado para os nossos fracassos. Nisso quase ninguém se conscientiza. Só que, se fizermos isso, não aprendemos nada com o erro, e a tendência natural é repeti-lo no próximo ano, quiçá, da próxima vez.

Meus amigos, a nossa vida é uma corrida, tal e qual à Corrida de São Silvestre que é realizada todo dia 31 de dezembro em São Paulo. É uma corrida difícil que exige muito treino. Atletas do mundo inteiro preparam-se durante meses para este evento tão importante para o mundo dos esportes. Atletas profissionais em geral precisam estar em constante preparo para suas competições. Assim que termina uma corrida ou um campeonato, logo se preparam para novos desafios. Assim também é a nossa vida material. Terminado um obstáculo difícil de ser superado, devemos, devemos nos preparar sempre para uma nova jornada – a vida eterna – que nunca sabemos qual é a hora. Estamos terminando a etapa deste ano, e dentro de algumas horas estaremos começando uma nova corrida – o novo ano que está prestes a iniciar. Infelizmente, muitos não correm mais conosco, no entanto nos observam se obedecemos às regras, por isso, temos que largar tudo que pode nos atrapalhar na corrida, isto é, deixar os pesos de lado. É importante observar também que, dentre os atletas, não vemos ninguém correndo com pedras nos bolsos. Isto atrapalha bastante. Na nossa vida material precisamos abandonar tudo o que desagrada a Deus para que a corrida da vida possa ser bem sucedida.

Por fim, temos que ter perseverança, pois durante a corrida surgirão dores, mas mesmo com elas precisamos chegar ao fim. No desenrolar do próximo ano, as dores virão, com certeza, mas com isso aprendamos mais uma importante lição: olhar para Jesus, O Cristo Salvador, pois ele sabe o que é sofrer. Ele suportou a dor e a vergonha da cruz para que pudéssemos ser vencedores na corrida da nossa vida.

 

Avaliar é bom. Agir de acordo é melhor. Na corrida da vida, as dores são inevitáveis, mas em Cristo, por Cristo e com Cristo a vitória é certa. Pensem nisso, amigos e amigas de nosso encontro semanal e anual. Com um espírito bem avaliado e Cristo à frente de sua corrida pela vida você será sempre um vencedor; FELIZ ANO NOVO!








construtorakellesduarte
INFORMAÇÃO COM RESPONSABILIDADE! Whatsapp: (31) 9 8863-6430
E-mail: contato@asnoticiasonline.com.br
AS Notícias Online 2019. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvedor: SITE OURO

Copyright © 2017 - AS Notícias Online - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.