AS Notícias Online Barra Serviços e Manutenções
HOME ESPORTE GERAL POLÍCIA POLÍTICA EMPREGOS MULHERES AGENDA COLUNISTAS FOTOS VÍDEOS CONTATO
Boa tarde - Itabira, segunda, 18 de fevereiro de 2019 Hora: 15:02

GERAL
Todos os moradores próximo a Barragem de Gongo Soco em Barão de Cocais foram retirados depois do acionamento das sirene
Em Barão de Cocais 08/02/2019

BARÃO DE COCAIS(MG)- Na madrugada desta sexta-feira, 8 de fevereiro de 2019, por volta de 1h30min sirenes de alerta de risco de rompimento de Barragens da mineradora Vale, acordaram os moradores das localidades rurais abaixo da Barragem de Gongo Soco, segundo informações os moradores Socorro, Piteiras e Tabuleiro, zona rural de Barão Cocais, saíram correndo para as partes mais altas e cerca de 2 horas depois foi quando eles tiveram contato com funcionários da empresa que já estavam em ônibus para fazer a retirada dos moradores do local de risco.

Sem saber o que fazer os moradores correram ara os morros, saindo de suas casas deixando tudo para trás, alguns moradores estavam relutantes em sair de suas residências, mas foram retiradas dentro do plano de evacuação da Vale.

Aproximadamente 500 pessoas foram retiradas das três comunidades, onde passaram pelo poliesportivo no Centro da cidade onde funcionários da Vale realizaram o cadastramento das famílias que foram hospedadas em hotéis das cidades de Barão de Cocais, Distrito de Cocais, Santa Barbara e Caetés.

A sensação de pânico esta estampada nos rostos da população, a moradora da localidade de Piteiras, estava indignada segundo ela e seus familiares fizeram a retirada de alguns moradores que se encontravam doentes porque no momento do alarme elas não sabiam quanto tempo teriam e correram sem direção por grande tempo na escuridão e ninguém por parte da empresa apareceu.

As autoridades como o prefeito Décio Geraldo disse ter sido surpreendido, ao ser acordado em sua casa, e de imediato tomaram as providencias com relação à Defesa Civil em deslocar para as comunidades para ajudar nas retiradas das pessoas.

Militares bloquearam varias entradas de acesso a Mina de Gongo Soco e também em algumas ruas próximas da 57ª Companhia da Policia Militar local de concentração das autoridades, a Defesa Civil do Estado de Minas Gerais compareceu a cidade, a todo o momento eles faziam contato com a secretaria estadual relatando as informações das providencias tomadas.

Asnoticiasonline.com.br








INFORMAÇÃO COM RESPONSABILIDADE! Whatsapp: (31) 9 8863-6430
E-mail: contato@asnoticiasonline.com.br
AS Notícias Online 2019. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvedor: SITE OURO

Copyright © 2017 - AS Notícias Online - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.