AS Notícias Online
HOME ESPORTE GERAL POLÍCIA POLÍTICA EMPREGOS MULHERES AGENDA COLUNISTAS FOTOS VÍDEOS CONTATO
Bom dia - Itabira, terça, 18 de junho de 2019 Hora: 08:06

ESPORTE
Galo joga mal, empata no Horto e vê chance de Z-4 aumentar
22/06/2017

O Atlético segue devendo futebol e, principalmente, resultado no Independência. O Galo até mostrou poder de reação ao sair perdendo por 1 a 0 e virar o placar. Mas o time voltou a jogar mal, deu muitos espaços na defesa e acabou cedendo o empate ao Sport, por 2 a 2, na noite desta quarta-feira, no Horto, pela nona rodada do Campeonato Brasileiro. Felipe Santana e Fred marcaram para o alvinegro. Osvaldo e Diego Souza descontaram para o Leão.

O resultado só não foi mais desastroso pela falta de pontaria dos pernambucanos, que desperdiçaram boas chances de marcar. Além de não ter conquistado os três pontos, outro fato que preocupa é o Atlético reabilitar um adversário que está brigando pelas últimas posições. Foi assim com os então lanternas Vitória e Atlético-PR, e agora com o rubro-negro de Recife.

Novamente perdendo pontos em casa, mais uma vez o time precisa se recuperar longe da capital mineira. O próximo embate será contra a Chapecoense, fora de casa, domingo, pela décima rodada. Já o Leão vai até a Vila Belmiro encarar o Santos.

O confronto começou bem diferente do que se imaginava. Apesar de não ter vencido nenhuma partida fora de casa e estar três jogos sem vencer (duas derrotas e um empate), o Sport veio com uma postura ousada, controlando as ações e jogando a maior parte do tempo no campo de ataque. O Atlético não conseguia pressionar e acabou levando alguns sustos. Um deles foi fatal. Aos 16 min, após grande arrancada de André, Rafael Carioca cortou mal. Osvaldo chutou e a bola desviou em Felipe Santana, matando o goleiro Victor.

Empurrado pela torcida, o alvinegro não sentiu o gol, assim como aconteceu contra o São Paulo. Os donos da casa foram para cima e, cinco minutos depois, contaram com o seu “maestro” para igualar o marcador. Após cobrança de falta do “garçom” Cazares, Felipe Santana cabeceou de costas e acertou o canto de Magrão.

O embate, então, ficou equilibrado e franco, com as duas equipes buscando o gol. O Galo desperdiçou com Robinho. O Leão, com Rithely. Aí foi a vez de Cazares desequilibrar mais uma vez. Com um cruzamento milimétrico, aos 39 min, o equatoriano encontrou Fred que, sozinho, cabeceou firme para virar o placar para o alvinegro. Os visitantes ainda assustaram, mas não conseguiram empatar e o Galo levou a vantagem para o intervalo.

O segundo tempo começou movimentado. O Sport seguia buscando o ataque para empatar e o Atlético apostava na velocidade para ampliar. Cazares até chegou a marcar, mas estava impedido. Quando o resultado parecia equibrado, Diego Souza entrou na área e foi derrubado por Victor. Ele mesmo bateu e deixou tudo igual, aos 18 min.

Três minutos depois, Lenis desperdiçou uma grande chance cara a cara com Victor, batendo para fora. Diego Souza quase virou para o Leão, aos 26 min, mas Victor salvou. O alvinegro tentou pressionar, reclamou de um pênalti em cima de Fred, mas o árbitro nada marcou e o time saiu vaiado pela torcida após mais um tropeço em casa.








INFORMAÇÃO COM RESPONSABILIDADE! Whatsapp: (31) 9 8863-6430
E-mail: contato@asnoticiasonline.com.br
AS Notícias Online 2019. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvedor: SITE OURO

Copyright © 2017 - AS Notícias Online - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.