AS Notícias Online
HOME ESPORTE GERAL POLÍCIA POLÍTICA EMPREGOS MULHERES AGENDA COLUNISTAS FOTOS VÍDEOS CONTATO
Boa madrugada - Itabira, sábado, 18 de novembro de 2017 Hora: 00:11 Compra dólar: R$ 3,261
Venda dólar: R$ 3,263
Converter dólar em reais: 0.00 reais.
21 ºC
Velocidade do vento: 17.70 km/h
Nascer do Sol: 6:6 am e pôr do Sol: 7:11 pm

MULHERES
Psicóloga ajuda a reconhecer quando o ciúme é normal e quando passou dos limites
07/07/2017

ESCRITO POR

CAMILA SILVA

Ciúme todo mundo sente ou já sentiu em alguma situação, uma hora ou outra na vida. O problema é que, na verdade, o que define o ciúme é a insegurança que alguém sente consigo mesmo. Assim, para tentar aplacar esse sentimento, a pessoa ciumenta vai controlar a outra para tentar minimizar essa falta de segurança. Para a psicóloga e líder coach Maura de Albanesi, todo ciumento é um tremendo controlador. “Ele sente que o outro é sua posse, como se a outra pessoa fosse uma marionete", acrescenta.

Quando isso é normal ou exagerado?

De acordo com a especialista, o ciumento está sempre querendo invadir o livre arbítrio do outro. A pessoa ciumenta quer que o o outro faça tudo segundo suas regras se quiser ficar com ela. “É quase como uma chantagem, um controle e uma dominação", explica Maura. E isso machuca os dois lados interessados no relacionamento, porque o ciumento não suporta que o outro seja livre para fazer o que bem entende.

Tudo isso é, de certa forma, considerado normal quando se revela em forma de cuidado e zelo numa relação. É quando, no relacionamento, as partes se gostam e acabam sentindo um pouco de ciúme e zelo um pelo outro. “O ideal, não é cercar a pessoa de cobranças e fiscalizações, mas dar atenção e afeto para pessoa entender que ela é importante”, sugere a especialista.

O ciúme se torna um problema quando o sentimento deixa o outro rendido a essa insegurança. “Normalmente, o ciumento atribui a culpa da sua insegurança ao outro. O ciumento projeta toda essa insegurança no outro e faz com que essa relação seja minada numa desconfiança”, explica. O ciumento está sempre desconfiando, está suscitando a culpa no outro, o que enche a relação de cobranças, inseguranças, culpas e desconfianças.

Para ser feliz no relacionamento:

Tenha namoros mais duradouros com 5 dicas: Anote quais

Estudo sugere que casal que troca "nudes” é mais feliz

Felicidade pode ser medida: Através de como casal dorme








INFORMAÇÃO COM RESPONSABILIDADE! Whatsapp: (31) 9 8863-6430
E-mail: contato@asnoticiasonline.com.br
AS Notícias Online 2017. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvedor: SITE OURO

Copyright © 2017 - AS Notícias Online - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.