AS Notícias Online
HOME ESPORTE GERAL POLÍCIA POLÍTICA EMPREGOS MULHERES AGENDA COLUNISTAS FOTOS VÍDEOS CONTATO
Bom dia - Itabira, quinta, 13 de dezembro de 2018 Hora: 11:12 23 ºC
Velocidade do vento: 19.31 km/h
Nascer do Sol: 6:8 am e pôr do Sol: 7:26 pm

COLUNISTAS
Marcos Gabiroba e a crônica da semana Minha homenagem a Dr. Sérgio Augusto Gonçalves Rosa
12/11/2018

Por mais de trinta anos convivemos como amigos e colegas. Por mais de vinte anos convivemos como “ex adversus” nas lides forenses e por quatorze anos como colega e advogados da Procuradoria Jurídica do Município de Itabira. Em todas as fases de nosso conhecimento e amizade sempre foi um gentleman, educado, ético, correto e honesto nas palavras, atos e ações e um verdadeiro homem do bem. Na Procuradoria Jurídica do Município convivíamos par a par. Quando no governo de José Maurício Silva como prefeito, era ele então, o Procurador Geral e aceitou com ótima receptividade e alegria minha inclusão neste importante núcleo da Prefeitura.

Sem restrições incumbiu-me como tarefa representar o Município nas Ações Trabalhistas, pois sabia que durante anos havia sido advogado do Sindicato dos Rodoviários, portanto, deveria ter conhecimentos bem amplos para defender o Município nas Ações que eram muitas e variadas solicitações de direitos trabalhistas. Na oportunidade, encontrava-se também lá o dr. Ricardo Sampaio que era o responsável pelas Ações cíveis contra o Município.

Em substituição ao José Maurício Silva assumiu a prefeitura Luiz Menezes, e como o Procurador Jurídico era cargo da confiança do prefeito, assumiu a direção da Procuradoria Jurídica o colega e amigo, Francisco Edésio de Alvarenga Lage que por um ano dirigiu aquele setor com brilhantismo, dentro de suas limitações jurídicas, porém, de forma humana, e meu homenageado de hoje passou a ser o responsável pelos processos administrativos, exercendo esta função com zelo, responsabilidade, tato e muito conhecimento jurídico nas questões tempestuosas dos funcionários envolvidos de interesses peculiares.

Após Francisco Edésio solicitar afastamento, pois estava sendo prejudicado em seus interesses comerciais, como comerciante que era, assumiu a Procuradoria Jurídica do Município, o competentíssimo colega e amigo, dr. Mauro Márcio de Alvarenga, escolha pessoal do prefeito e muito bem recebido por nós os integrantes do corpo jurídico. Dr. Mauro Márcio e meu homenageado eram como irmãos, pois por coincidência eram nascidos no mesmo mês e ano. A diferença de idade de um para com o outro era apenas de seis dias. Mauro Márcio contando com a colaboração de meu homenageado, pois este havia sido por interregno de tempo procurador por diversas etapas, deu nova dinâmica nos andamentos dos processos, sem, entretanto, modificar o que já estava pré-estabelecido, isto é, cada um, especializado nas suas áreas jurídicas de formação, até então praticadas. Mauro Márcio ficou com a responsabilidade de assessorar ao prefeito, em seu gabinete, e a comandar a Procuradoria Jurídica, além de responder pelas Ações de Alta relevância contra o Município e contratos diversos e especializados.

Luiz Menezes foi substituído por Olímpio Pires Guerra como prefeito, o popular “Li”, mantendo Mauro Marcio como o Procurador Geral por todo o seu mandato.

Foram cinco anos de convivência da e na Procuradoria Jurídica do Município, período este de muita paz, ordem, respeito, muita responsabilidade, cordialidade e muitos processos contra o Município e, Mauro Márcio como sempre foi e ainda o é, um autêntico cavalheiro no trato com todos conduziu o setor com personalidade e muito profissionalismo. Meu homenageado, jamais em tempo algum se sentiu enciumado e cumpria todos os seus afazeres profissionais com dignidade e probidade. Sempre solícito com todos os colegas que lá de vez em quando apareciam e principalmente, como os funcionários, colegas de trabalho que tinham dúvidas sobre os processos administrativos e direitos que julgavam possuir.

Neste interregno, por dez meses trabalhamos com o dr. Marcus Vinícius, outro baita profissional que assumira a Procuradoria Jurídica em substituição a Mauro Márcio. Por ironia do destino, este baita profissional foi boicotado pela política de então, sendo substituído por incompetente profissional que nada conhecia de Administração Pública, sequer direito público, porém, era apadrinhado político que teve a missão precípua de excluir do quadro de advogados da prefeitura, meu homenageado e a mim que já éramos aposentados do INSS.

Meu homenageado de hoje é o Dr. Sérgio Augusto Gonçalves Rosa, Dr. Sérgio como carinhosamente o chamávamos que, se vivo ainda estivesse, neste último oito de novembro completaria oitenta anos. Nosso convívio pessoal e profissional foi muito profícuo. Chamávamos um ao outro de “Chará”, em homenagem a Marcus Vinícius, então injustiçado como Procurador Jurídico daquela época.

Durante seis anos consecutivos escreveu crônicas semanais para a Rádio Pontal FM, a quem tive a honra em emprestar minha voz, crônicas estas que agora se tornam eternas em um livro que será lançado no próximo dia dezesseis no Centro Cultural, Carlos Drummond de Andrade, às 20 horas, obra esta de iniciativa de sua esposa, D’Ângela Sampaio Rosa e seus filhos, Juliana, Guilherme e Sérgio. Para tanto, concito aos itabiranos a lá comparecerem e prestigiarem o evento em homenagem a esse inesquecível itabirano amigo, colega e companheiro de trabalho, cuja renda será doada ao Hospital Nossa Senhora das Dores, donde Sérgio foi da Irmandade por anos a fio doando seu trabalho com amor e plena dedicação. Tenho dito.








INFORMAÇÃO COM RESPONSABILIDADE! Whatsapp: (31) 9 8863-6430
E-mail: contato@asnoticiasonline.com.br
AS Notícias Online 2018. Todos os Direitos Reservados.
Desenvolvedor: SITE OURO

Copyright © 2017 - AS Notícias Online - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização.